segunda-feira, 7 de novembro de 2011

A importância de um (bom) Website

Para muitas empresas e profissionais que atuam em mercados extremamente competitivos, ter um site na internet deixou de ser apenas uma questão de status e imagem, mais passou a ser uma questão de necessidade. Ter uma página ou não faz a sua empresa sair na frente do seu concorrente, pois não ter um site nos dias de hoje é como não ter um telefone fixo na empresa.
Hoje trabalhamos num mundo globalizado e a internet tornou-se parte integrante desse novo sistema de negociação. Dia a dia cresce o número de serviços, informações e facilidades disponíveis online, porém há empresas que ainda não atentaram para essa realidade.
Muitas empresas se beneficiam quando vêem em seus sites uma oportunidade crescente de negócios. Não focam o conteúdo apenas para captar clientes, mas também, para manter os clientes ativos e as parcerias. São essas que atingem novos patamares de sucesso com um número crescente de negócios.
Por outro lado temos empresas que nem mesmo e-mails em domínio próprio possuem (seunome@suaempresa.com.br). E também empresas que têm páginas na internet, mas com design ruim e conteúdo pobre que interferem diretamente na imagem dessas companhias. Sites que com os quais não fecham nenhum tipo de negócio nem dão suporte aos clientes ativos. Logo podemos dizer que elas estão na contramão do progresso.
A solução para estas é seguir os exemplos citados anteriormente. Ter um website funcional. E isso consiste em bom design e informações úteis a quem visitar.
A atitude de procurar um serviço ou produto na web é crescente nos lares e empresas. Poucos são aqueles que ainda arriscam o uso das antiquadas páginas amarelas (que também tem site).
Todo cliente se sente satisfeito ao acessar um site que contenham informações claras e objetivas, sem erros gramaticais, e que estas sejam diagramadas num layout agradável. Página que promovem a boa navegação ao invés de confundir o visitante. Esses são fatores cruciais que traduz a importância que a empresa dá ao cliente.




quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Faça com que sua empresa seja competitiva

Internet Como Diferencial Competitivo

Atualmente dos 6 milhões de pequenas e médias empresas do brasil, somente 20% estão atuando de alguma forma na internet para inovar em seus negócios. Por outro lado, Segundo o F/Nazca, somos 81,3 milhões de internautas tupiniquins (a partir de 12 anos). Já para o Ibope/Nielsen, somos 73,9 milhões (a partir de 16 anos). O Brasil é o 5º país com o maior número de conexões à Internet.

Considerando estes dados, é bem provavel que o seu cliente já esteja procurando por seus serviços ou produtos na internet.
O empresário que quer se manter no mercado de forma competitiva tem que investir em comunicação na internet, ou corre o risco de ficar para tras.
Um web site, é considerado atualmente o cartão de visitas do século 21, e uma das formas mais econômicas para comunicar seus produtos e serviços.

Publicidade on-line
A internet se tornou o terceiro veículo de maior alcance no Brasil, atrás apenas de rádio e TV. 87% dos internautas utilizam a rede para pesquisar produtos e serviços. Antes de comprar, 90% dos consumidores ouvem sugestões de pessoas conhecidas, enquanto 70% confiam em opiniões expressas online.

Hoje é extremamente simples criar e gerenciar um website, sem precisar de conhecimentos técnicos especializados, mas se esta não é a sua praia, contrate um profissional de TI, para cuidar destes assuntos para sua empresa. Pois além de fazer o seu website, muitas outras coisas podem ser realizadas para melhorar o resultado dos seus negócios.
Pare de gastar e comece a investir em Tecnologias da Informação e Comunicação.
Autor: Fábio Cesar
/marketing-na-internet-artigos/internet-como-diferencial-competitivo-4770274.html






quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Crescimento da Internet


A internet no Brasil tem se desenvolvido consideravelmente nos últimos anos, o número de usuários tem aumentado devido ao crescimento da chamada classe C e com ela o aumento do poder aquisitivo.

Mundialmente falando os números são ainda maiores, podemos acreditar que nos próximos anos a empresa que não tiver seu produto ou serviço na rede terá sérios problemas para conseguir novos clientes, ou pior, mante-los.
Há necessidade imediata de um WebSite ou uma loja virtual é nítida e os pequenos e médios empresários não poderão ficar estáticos quanto a isso.